Onde guardar dinheiro: conheça todas as opções e saiba qual é a melhor

A internet está repleta de posts com formas de poupar dinheiro. Mas se você fizer uma busca rápida, verá que são bastante escassos os artigos sobre onde guardar dinheiro.

Não podemos ignorar esse tema. Afinal, é de extrema importância saber a melhor opção para guardar suas economias.

Para te ajudar nisso, vamos começar conhecendo as principais alternativas para guardar dinheiro:

Conheça os principais meios onde guardar dinheiro:

Cofre em casa

Apesar de muita gente ainda utilizar cofrinho em casa, devemos alertar a respeito desse método para guardar dinheiro.

O cofre pode ser sim uma opção para guardar dinheiro, desde que você tenha disciplina financeira. Caso contrário, essa será apenas uma fonte de fácil acesso ao seu dinheiro, que dificilmente você conseguirá manter por muito tempo.

Além disso, é preciso estar ciente de duas coisas:

  1. Quando você junta dinheiro em casa, você acaba perdendo o valor com o tempo. Afinal, ele não será corrigido.
  2. Imprevistos acontecem. Logo, a segurança do seu dinheiro estará sempre em risco. Afinal, ninguém pode prever furtosassaltos ou quaisquer outros fatores que venham comprometer o seu dinheiro.

Se você está pensando ou já começou a guardar seu dinheiro em um cofrinho, mantenha o máximo de disciplina. Se achar necessário, siga as nossas dicas para juntar dinheiro educando o seu bolso.

Conta corrente

Conta corrente é um tipo de conta bancária que permite que você efetue e receba depósitos de dinheiro e cheque à vista. Além disso, você também pode realizar pagamentos de boletos, TED e DOC’S, utilizar cheque especial, receber salário e etc.

Guardar dinheiro em uma conta corrente pode ser tão desvantajoso quanto guardar em casa. É preciso estar ciente de que os bancos costumam cobrar altas taxas de manutenção da conta, além da taxa mensal pelo pacote do serviço.

Se você depositar R$ 50 por mês, durante um ano, em um banco com um pacote de serviços que custa R$ 25, no final do período você terá acumulado apenas metade do que depositou. Afinal, todo mês o banco descontará R$25 do saldo positivo da sua conta.

Veja um exemplo na imagem abaixo:

O correto deveria ser R$ 600. Porém, devido aos descontos da taxa mensal do pacote de serviços, você receberá apenas R$ 300.

Outra desvantagem da conta corrente é a facilidade para aumentar as dívidas. Afinal, você acaba tendo acesso a cheque especialcartão de crédito e outros serviços que poderão comprometer seu orçamento.

Sendo assim, a conta corrente é indicada somente para realizar transações, como saques, transferências e afins. Para guardar dinheiro, ela definitivamente não é a melhor opção.

linha

Como juntar dinheiro e concorrer a prêmios ao mesmo tempo?

linha

Conta Poupança

A Poupança foi criada para quem deseja guardar dinheiro e realizar poucas movimentações na conta.

O valor que você acumula na poupança também é corrigido pela TR, a Taxa Referencial. A TR é uma taxa de juros calculada pelo Banco Central, utilizada no cálculo do rendimento da Poupança e outras aplicações.

Apesar de não ser o objetivo da conta poupança, ela permite que você saque os valores economizados a qualquer momento, o que é conhecido como liquidez diária. Dessa forma, você pode comprometer sua reserva até mesmo com gastos desnecessários e impensados. Sendo assim, é preciso ficar atento às transações.

Se você não possui disciplina financeira e tem dificuldade em guardar dinheiro sem fazer retiradas frequentes, a poupança pode não ser a melhor opção para você.

Capitalização

Esta opção não é tão conhecida, mas pode ser uma boa alternativa para quem deseja guardar dinheiro.

A capitalização é uma forma de criar uma reserva financeira programada, enquanto você desenvolve disciplina para juntar dinheiro e participa de inúmeros sorteios.

As 3 maiores vantagens dos títulos de capitalização tradicionais são:

  • compromisso em pagar mensalmente um determinado valor para a sua reserva. O que acaba fazendo com que você aprenda a ter disciplina financeira e responsabilidade para alcançar o seu objetivo.
  • A ausência de liquidez diária. Ao contrário das contas corrente e poupança, a capitalização possui um prazo mínimo para retirar o dinheiro acumulado naquele período.
  • Possibilidade de multiplicar o valor pago mensalmente em mais de 5 mil vezes. Os prêmios distribuídos nos sorteios da capitalização podem chegar a ser 5 mil vezes maiores do que o valor da sua parcela.

Vamos ver um exemplo de como funciona um título de capitalização:

Suponhamos que você compre um título de capitalização e se comprometa a pagar R$ 80 mensais por 60 meses. Durante esses 60 meses, você concorrerá em sorteios semanais, mensais e semestrais, caso pague corretamente todas as parcelas. Ao final do plano, você receberá de volta todo o dinheiro acumulado durante o período de pagamento.

É importante lembrar que o resgate total é  corrigido pela TR.

Um título de capitalização pode ser um bom lugar onde guardar dinheiro, principalmente para quem não possui disciplina financeira. Como você já “programou” os prazos e as parcelas, fica mais fácil dar continuidade ao objetivo de guardar dinheiro para o futuro.

quanto ganhar com títulos de capitalização

Qual é o melhor lugar para guardar dinheiro?

Agora que você já conhece os principais lugares onde guardar dinheiro, veja o comparativo de todos eles:

Onde guardar dinheiro?  Segurança Correção de valores Risco de gastar o dinheiro Há sorteios de prêmios?
Capitalização  sim  baixo sim
Cofre em casa  não  alto não
Conta Corrente  não  alto não
Poupança  sim  alto não

No quesito ‘segurança’, podemos ver claramente no comparativo que o lugar menos seguro onde guardar dinheiro é em casa.

capitalização acaba se destacando devido aos pontos positivos, como: sorteioscorreção de valores e baixo risco de gastar o dinheiro.

Como mencionamos, ela pode ser bastante viável para quem deseja aprender a ter disciplina financeira. Mas a poupança também pode funcionar para você, caso você tenha muito controle e facilidade em guardar dinheiro.

Este artigo te ajudou?

Esperamos que sim!

Continue acompanhando o Poupar Fácil para melhorar a sua educação financeira!

Título de capitalização vale a pena?

Até o próximo artigo! 😉